top of page
1920x368px.jpg

Trabalhadores são resgatados em condição análoga à escravidão


Em uma ação conjunta entre o BPFRON – Batalhão de Polícia de Fronteira e Ministério Público do Trabalho, foi realizada uma operação para investigar denúncias de trabalho escravo envolvendo trabalhadores de origem paraguaia. A ação ocorreu na segunda-feira (22), em uma área rural de Umuarama (PR).


Após receberem a denúncia, as autoridades se mobilizaram e dirigiram-se ao local indicado. Ao chegar, constatou-se a presença de vários trabalhadores de origem paraguaia submetidos a condições análogas à escravidão. Durante a fiscalização, foram encontradas diversas irregularidades nos alojamentos, além de problemas relacionados a salários, registros, falta de equipamentos de proteção individual (EPIs) e alimentação adequada.


No total, foram resgatados 12 trabalhadores paraguaios, que foram encaminhados para o abrigo APROMO, em Umuarama, com o apoio da Prefeitura local.

Fonte: PP News Foto: BPFron

Comentários


Ative novo.png
Portal 163.jpg
Kraemer.png
Confira nossas OFERTAS
Ative novo.png
bottom of page