top of page
1920x368px.jpg

Mulher é presa após atirar contra homem amordaçado e com mãos amarradas


Uma mulher de 45 anos foi presa em flagrante após atirar contra um homem amordaçado e com as mãos amarradas em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, de acordo com a Polícia Civil. A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar na quarta-feira (09).


Segundo o delegado Derick Moura, uma funcionária do homem tentou impedir os disparos e também foi atingida. Ambos estão em estado grave. Segundo a polícia, eles têm 46 e 42 anos, respectivamente.


O delegado explicou que o caso aconteceu em um estabelecimento comercial, e que quando policiais militares chegaram ao local para atender a ocorrência, encontraram tudo trancado. Eles invadiram o estabelecimento depois de ouvirem disparos.


O delegado disse que a suspeita tem medida protetiva contra o homem atingido, e que ele é ex-companheiro dela. Os disparos, segundo relato da mulher, aconteceram após uma discussão. A suspeita é de Piraí do Sul.


O homem, segundo a polícia, foi atingido na cabeça e no abdômen. A defesa da mulher afirmou, em nota, que ela “estava vivendo sob extrema pressão e ameaças intensas por parte do ex-companheiro”. O delegado disse que a mulher não informou porque o homem estava amarrado e amordaçado.


Ela foi presa por duas tentativas de homicídio, ambas com a qualificação de impossibilidade de defesa da vítima.


O advogado da mulher informou que ela estava em estado de choque e que tinha prejuízo moral e patrimonial por parte do ex-companheiro. A defesa também afirmou que se manifestará em detalhes no decorrer da investigação.


Fonte: PP News

Foto: Polícia Civil

Comments


Ative novo.png
Portal 163.jpg
Kraemer.png
Confira nossas OFERTAS
Ative novo.png
bottom of page