O que querem ou o que pensam nossos políticos?



Na situação que nos encontramos, se nada for feito com reforma da previdência, a tendência é piorar tudo, das contas públicas ao seu salário.


E, na pior das hipóteses, a previdência não ter mais recursos para pagar os aposentados do país.


Se de um lado um ministro com a competência do Paulo Guedes mostra e remostra a realidade da situação, por outro vemos centenas de colocações que estão alterando – e muito – o projeto enviado para apreciação e aprovação no congresso nacional.


Aparece, do nada, o tal do centrão e começa a colocar água no pudim que já estava indo ao forno.


E nas manifestações de domingo, vimos que uma boa parte da população brasileira ainda dedica apoio ao presidente, mesmo que a Globo não goste e seja obrigada a noticias, apesar dos infelizes comentários do Faustão.


Sentado no sofá, após ver tudo isto, fico pensando se um dia, de saco bem cheio, o presidente pega o boné e se retira.


Quais seriam os cenários? Assume o vice? Bloqueiam o vice e convocam novas eleições? Assume o presidente da câmara, o chamado nhonho??


Seja qual for o cenário escolhido, não será bom.


A começar pela posse do vice, General Mourão, homem de pouca fala e de princípios corretos desde quando era soldado. Se Mourão assumisse, a incerteza iria pairar no cenário político e muitos se calariam, mediante a nova presença no poder.


Caso Mourão não assuma, ninguém sabe o que está por vir, pois até em impeachment já falaram, mas nada com base até o dia de hoje.


O que preocupa, na realidade, é a falta de noção dos políticos que compõem o quadro da câmara dos deputados e alguns senadores, que ao invés de debater, dialogar e questionar, arrumam argumentos cada dia mais complicados para atrapalhar o processo.


Em troca de quê?? Em troca de favores que não vem e não virão.


O toma lá, da cá, acabou, pelo visto.


E enquanto isso, a população fica na janela , igual a Carolina do Chico Buarque, vendo o tempo passar para depois acordar.


Não merecemos passar por situações de aperto de novo e por situações que deixem claro o pouco caso da classe política para com o povo.


Enquanto uns poucos se preocupam, outra maioria não está nem aí.


Basta ver os protestos de domingo em apoio ao presidente.


Alvo de críticas, nosso parlamento anda de moral bem baixa perante a população brasileira.


E pelo visto, em meio a críticas e desmandos, eles não estão preocupados.


Isto tudo, sem falar nas lagostas do STF e nos desmandos desta casa.


Mas daí, é outro capítulo.


Muito mais complicado e delicado.


Oremos.....

Ative novo.png
Portal 163.jpg
Confira nossas OFERTAS
Ative novo.png