Homens são presos com propaganda eleitoral irregular em Capanema


A Polícia Militar de Capanema prendeu na tarde desta terça-feira, 25, por volta das 13h45, dois indivíduos que estavam efetuando a distribuição de propaganda eleitoral com conteúdo irregular.


De acordo com as informações repassadas pela Polícia Militar, após uma denuncia, foram localizados na rua Luiz Geraldo Hollen, dois indivíduos com roupas iguais as informadas pelo denunciante, os quais tinham em sua posse materiais de propaganda política com conteúdo do Partido dos Trabalhadores (PT), onde aparecia como candidato a presidência da República “Lula” com o numero 13 e vice “Haddad”.


Após a comprovação dos fatos os policiais efetuaram a apreensão do material de campanha e encaminharam os envolvido ao Ministério Publico para as providências cabíveis.


Na sessão do dia 31 de agosto, por 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou o registro de candidatura de Lula. O petista está preso desde 7 de abril após ter sido condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá.