19 pessoas morrem e 33 ficam feridas em acidente com ônibus na BR-376 em Guaratuba


Um acidente com um ônibus na BR-376, em Guaratuba, no litoral do Paraná, deixou 19 mortos na manhã desta segunda-feira (25), de acordo com o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA).


Segundo a polícia, 33 pessoas foram socorridas feridas, sendo sete delas em estado grave e seis com ferimentos moderados.


De acordo com a concessionária responsável, as vítimas que foram a óbito são 13 adultos, cinco adolescentes e uma criança.


A princípio, a informação repassada pelo Corpo de Bombeiros e pela concessionária era de que 21 pessoas tinham morrido no acidente. O número foi corrigido por volta das 14h.


O acidente aconteceu na altura do km 668, no trecho conhecido como Curva da Santa, por volta das 8h30, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).


De acordo com a concessionária Arteris Litoral Sul, que administra o trecho, ficou totalmente bloqueada para atendimento do caso até as 12h45. Às 13h, o congestionamento era de 22 quilômetros.


O tráfego de veículos no trecho foi normalizado por volta das 17h20, conforme a concessionária.

A PRF informou que ônibus, com placa de Belém, no Pará, descia a Serra do Mar em direção ao litoral catarinense quando bateu na mureta de contenção do lado direito, saiu da pista e tombou às margens da rodovia.


De acordo com a PRF, o ônibus saiu de Ananindeua (PA) e tinha como destino São José (SC).


Conforme a Polícia Civil, o motorista do veículo disse em depoimento que havia assumido a direção cerca de 30 minutos antes do acidente.


Após perceber problema no freio, o motorista disse à polícia que tentou tentou usar a área de escape, que fica cerca de um quilômetro antes do local do acidente, mas não conseguiu por causa de um caminhão ao lado. Por isso, bateu na mureta e caiu no barranco.


De acordo com o capitão do Corpo de Bombeiros Ícaro Grenert, que participou dos resgates, as informações preliminares dão conta que o ônibus saiu sozinho da pista, sem se chocar em outro veículo.


De acordo com a PRF, um dos motoristas do ônibus ficou ileso. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Guaratuba para prestar esclarecimentos e, na sequência, foi liberado. Até a última atualização desta reportagem, o segundo motorista ainda não tinha sido localizado.


Conforme a Polícia Civil, os 19 corpos foram levados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba, onde serão liberados para as famílias.


Ambulâncias e helicópteros dos bombeiros do Paraná e de Santa Catarina socorreram os feridos moderados e graves e encaminharam as vítimas para Curitiba e Joinville.


As pessoas com ferimentos leves foram levadas para Garuva.


Segundo a PM, 54 passageiros e dois motoristas estavam no ônibus no momento do acidente.


O que diz a empresa


A empresa de turismo dona do ônibus afirmou que o veículo foi fretado por uma terceira pessoa.

A TC Turismo disse que está a caminho do local do acidente para prestar auxílio às vítimas e que está providenciando um meio de comunicação para prestar informações aos familiares.


"A TC Pires da Cruz informa que prestará todo apoio necessário às vítimas e familiares e não medirá esforços para amenizar a dor de cada um dos paraenses envolvidos no acidente, assim como a dos seus entes queridos, neste momento tão difícil para todos", disse a empresa em nota.


Trajeto


Conforme a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), o ônibus de turismo saiu de Ananindeua (PA), às 19h, de sexta-feira (22), e tinha como destino final São José (SC).


O transporte parou em Goiânia (GO), na tarde de domingo (24), e teria como próxima parada a cidade de Balneário Camboriú (SC), segundo a agência.


A previsão era que os passageiros chegassem ao litoral catarinense na terça-feira (26) e em São José, que era o destino final, na madrugada de quarta-feira (27).


Fonte: G1 Paraná

Foto: Arquivo pessoal/Juliano Neitzke


ALEP_COVID_01_300x250px.gif
Portal 163.jpg
Confira nossas OFERTAS
FARMÁCIA ULTRA DESCONTÃO
images.png
banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif